Artigo

Saiba tudo sobre o data center verde

A expressão “data center verde” vem sendo cada vez mais utilizada no setor de tecnologia e TI, demonstrando a preocupação crescente dessas áreas com o meio ambiente e a sustentabilidade. O consumo eficiente de energia elétrica é extremamente importante, especialmente em tempos de crise energética. Mas, o conceito de data center verde engloba muito mais aspectos, como o uso e a reutilização de recursos naturais, o impacto da tecnologia na cadeia produtiva, a reciclagem de equipamentos e a utilização de arquiteturas que permitam uma vida útil maior de todas as infraestruturas de tecnologia fazem parte de um data center verde. Quer ainda mais motivos para investir em data center verde? Então confira este post incrível que preparamos pra você:

Por que investir em um data center verde?

Criar um sistema de data center verde pode não ser uma tarefa simples, mas existem diversas técnicas e soluções disponíveis para ajudar uma empresa a fazer essa transição. Servidores de alta densidade, quando montados em rack, acabam por aumentar os pontos que concentram calor e, ao mesmo tempo, sobrecarregam os sistemas de resfriamento, tornando mais difícil manter os data centers antigos alinhados com as demandas atuais.

Só os custos de energia e resfriamento representam cerca de 45% do custo total de manutenção de um data center. Como os custos de energia estão extremamente altos, manter um sistema antigo pode ser muito desvantajoso para uma empresa.

As estratégias e tecnologias envolvidas na melhoria da eficiência energética de data centers verdes envolvem todo o ecossistema. Isso pode ser feito a partir da avaliação das práticas e de uma auditoria energética para apontar quais áreas têm um maior consumo de energia elétrica, e assim estabelecer um planejamento eficiente, que seja mais interessante financeiramente para a organização.

Como Implantar um data center verde?

As oportunidades para o aumento da eficiência energética de um data center vão desde o projeto de um upgrade de estruturas, até medidas baratas e simples. Para isso, os departamentos de TI e de instalações da empresa precisam trabalhar em conjunto — muitas vezes com uma ajuda externa — para buscar novas formas de enfrentar os desafios ambientais e energéticos.

Uma dessas medidas é organizar os datas centers de forma planejada. Isso elimina os pontos de concentração de calor, que acabam por sobrecarregar o sistema de resfriamento. Essa atitude aumenta por si só a confiabilidade do sistema, já que contribui para evitar as falhas de hardware, muito comuns quando ocorre o sobreaquecimento do sistema.

Investir em novos sistemas de armazenamento de calor, de resfriamento e de suprimento de ar também podem ajudar a reduzir a necessidade e os gastos com energia elétrica. Atualmente, os equipamentos de TI são cada vez mais eficientes em termos de energia e ecologicamente corretos. Justamente por isso, a substituição dos equipamentos antigos por um data center verde pode ser a melhor alternativa para a empresa, tornando o seu sistema de virtualização ainda mais eficiente e econômico. Dessa forma, a tecnologia de um data center verde permite mensurar o consumo de energia da organização e delimitar a energia elétrica que é utilizada por um servidor especifico ou por um grupo de servidores. Vale a pena investir para depois economizar!

Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Conheça nossos parceiros